Estrutura Curricular do Curso de Doutorado

CURSO DE DOUTORADO  EM SERVIÇO SOCIAL

Para o título de Doutor(a) em Serviço Social pelo PPGSS/UFSC, o(a) doutorando(a) deve completar, no mínimo, 48 (quarenta e oito) créditos, sendo divididos em:

      • 12 (doze) créditos em Disciplinas Obrigatórias;
      • 24 (vinte e quatro) créditos em Disciplinas Eletivas; e
      • 12 (doze) créditos pela defesa/aprovação da Tese.

Os 12 (doze) créditos em Disciplinas Obrigatórias serão compostos por 03 (três) disciplinas obrigatórias de 04 (quatro) créditos.

Os 24 (vinte e quatro) créditos em Disciplinas Eletivas deverão ser cumpridos com um mínimo de:

      • 08 (oito) créditos em Disciplinas Teóricas;
      • 04 (quatro) créditos em Disciplinas Teórico-Práticas;
      • 02 (dois) créditos em Atividade Supervisionada; e
      • 10 (dez) créditos em Disciplinas de livre escolha.

As Disciplinas Teórico-Práticas referem-se a Estágio de Pesquisa e Estágio de Docência.

O Estágio de Pesquisa deverá ser realizado junto aos Núcleos de Pesquisa vinculados ao PPGSS/UFSC ou a grupos de pesquisa de instituições nacionais ou estrangeiras conveniados a UFSC, sob a orientação de um(a) pesquisador(a) na área de estudo do(a) doutorando(a).

A Atividade Supervisionada é oferecida pelos(as) orientadores(as). Sendo assim, o(a) orientador(a) precisa ofertá-la para que o(a) doutorando(a) possa realizar a matrícula.

Regimento Interno do Programa de Pós-Graduação em Serviço Social
CAPÍTULO III
DA CARGA HORÁRIA E DO SISTEMA DE CRÉDITOS

Art. 21. Os cursos de Mestrado e Doutorado terão a carga horária prevista no seu Projeto Pedagógico, respeitado o mínimo de 24 (vinte e quatro) créditos para o Mestrado e 48 (quarenta e oito) créditos para o Doutorado.

Paragrafo único. O total de créditos deverá ser cumprido em disciplinas obrigatórias, disciplinas eletivas – que incluem disciplinas teóricas, teórico-práticas e atividade supervisionada – e na defesa/aprovação do trabalho de conclusão.

 

CURSO DE DOUTORADO  EM SERVIÇO SOCIAL
DISTRIBUIÇÃO DA CARGA HORÁRIA DO CURSO
DISCIPLINAS (clique aqui) CRÉDITOS MÍNIMOS
Disciplinas obrigatórias 12 (doze) Créditos
SSO410004 – Tendências Teórico-Metodológicas do Serviço Social na Contemporaneidade
(Obrigatória para todas as Linhas)
04 (quatro)
SSO510011 – Direitos Humanos e Classes Sociais
(Obrigatória para todas as Linhas)
04 (quatro)
SSO410005 – A Política Social no Capitalismo: gênese e desenvolvimento
(Obrigatória Linha 1 – Direitos, sociedade civil, políticas sociais na América Latina)
04 (quatro)
SSO410006 – Ética, Direitos Humanos e Serviço Social
(Obrigatória Linha 2 – Serviço social, ética e formação profissional)
04 (quatro)
SSO410007 – Trabalho e Teoria do Valor em Marx
(Obrigatória Linha 3 – Questão social, trabalho e emancipação humana)
04 (quatro)
Disciplinas eletivas 24 (vinte e quatro) Disciplinas Teóricas 08 (oito)
Disciplinas Teórico-Práticas (Estágio de Pesquisa e Estágio de Docência) 04 (quatro)
Disciplina Atividade Supervisionada 02 (dois)
Disciplinas de livre escolha (Teóricas, Teórico-Práticas ou Atividade Supervisionada) 10 (dez)
Tese 12 (doze)
TOTAL 48 (quarenta e oito)

PROFICIÊNCIA EM LÍNGUAS ESTRANGEIRAS (DOUTORADO)

Além de cumprir os créditos mínimos nas Disciplinas, o(a) doutorando(a) deverá entregar à Secretaria do PPGSS/UFSC, até o fim do primeiro ano acadêmico, a proficiência em duas línguas estrangeiras, as quais não computarão créditos no Programa.

Após completar os créditos mínimos, atribuição de notas às Disciplinas e entrega da Proficiência em Línguas Estrangeiras, o(a) doutorando(a) poderá agendar a Qualificação de sua Tese para posterior Defesa.

Resolução Normativa Nº 95/CUn/2017 – Dispõe sobre a pós-graduação stricto sensu na UFSC
CAPÍTULO IV
DA PROFICIÊNCIA EM IDIOMAS

Art. 39. Será exigida a comprovação de proficiência em idiomas estrangeiros, sendo um idioma para o mestrado e dois idiomas para o doutorado, observadas as peculiaridades dos 11 cursos e conforme previsto no regimento do programa, podendo ocorrer no ato da primeira matrícula no curso ou ao longo do primeiro ano acadêmico.

§ 1º Os regimentos dos programas definirão o segundo idioma estrangeiro que será exigido, sendo o primeiro, obrigatoriamente, o inglês.

§ 2º O estudo de idiomas estrangeiros para aprovação de proficiência não gera direito a créditos no programa.

§ 3º Os estudantes estrangeiros dos programas de pós-graduação deverão também comprovar proficiência em língua portuguesa, conforme previsto no regimento do programa.

Resolução Normativa Nº 01/PPGSS/2015 – Dispõe sobre as normas para o exame de proficiência em línguas